FAZENDO MISSÕES

Loading...
DENOMINADOR COMUM
Rick Boxx

Anos atrás um amigo se queixou de colaboradores que ele havia demitido depois de ocuparem posições-chave na sua empresa. “Eram todos estúpidos”, ele disse. “Nenhum deles correspondeu ao que eu queria”. 

Depois de ouvi-lo detalhar o que ele considerava as limitações de cada um, e sabendo que meu amigo sempre fora perfeccionista, compreendi o verdadeiro problema. Ficou claro que o problema não eram os colaboradores, mas quem os empregara.

Ao concluir a avaliação negativa dos funcionários, tentei ser o menos crítico possível: “Vejo um denominador comum em tudo isso”. Imediatamente ele compreendeu que era a ele que eu estava me referindo. Adotando minha perspectiva, ele usou aquela informação para revisar o caso. Recentemente ele disse o quanto era grato por minha suave repreensão. 

Obviamente poderia ter-me mantido calado e simplesmente ouvido as queixas de meu amigo sem oferecer qualquer observação. Mas senti ser importante que ele visse o problema sob um ponto de vista diferente. Embora nem sempre seja fácil fazer crítica construtiva sem ofender, às vezes um amigo precisa de repreensão cuidadosa. Provérbios 28.23, na Bíblia, ensina: “Quem repreende o próximo obterá por fim mais favor do que aquele que só sabe bajular”. 

Existe outro lado em situações assim: a disposição de aceitar correção bem-intencionada e levá-la em conta em futuras ações. Meu amigo poderia ter desconsiderado minha observação que ele era o “denominador comum” no fracasso dos colaboradores demitidos. Mas humildemente ele pensou sobre o que eu dissera e adotou passos corretivos. Vejamos alguns pensamentos extraídos do livro de Provérbios sobre repreensão e correção: 

Aceitar correção leva ao sucesso. Correção sincera é uma forma de disciplina, porque quem oferece palavras corretivas está procurando ajudar a proporcionar uma solução razoável para o problema, que possa beneficiar todos os envolvidos. Provérbios 10.17 afirma: “Quem acolhe a disciplina mostra o caminho da vida, mas quem ignora a repreensão desencaminha outros”. Provérbios 13.18 acrescenta: “Quem despreza a disciplina cai na pobreza e na vergonha, mas quem acolhe a repreensão recebe tratamento honroso”. 

É tolice ignorar repreensão amável. Nas situações de trabalho freqüentemente, estamos próximos demais do problema para enxergar a solução correta. O discernimento de um amigo ou colega confiável pode proporcionar informações que de outro modo ignoraríamos ou deixaríamos de ver. “Todo o que ama a disciplina ama o conhecimento, mas aquele que odeia a repreensão é tolo” (Provérbios 12.1).

Repreensão oportuna evita consequências devastadoras. Se você dirigisse por uma estrada desconhecida e estivesse prestes a cair numa vala, gostaria que alguém, conhecedor da área, o alertasse e evitasse o perigo? O mesmo é verdadeiro quando você está prestes a tomar decisões desastrosas. “O ensino dos sábios é fonte de vida, e afasta o homem das armadilhas da morte” (Provérbios 13.14).

Nenhum comentário:

Postar um comentário